Início > Pontos Turísticos

Pontos Turísticos

Nesta página você encontra informações sobre os pontos turísticos da cidade de Jaguarão e opções de roteiros turísticos.

 

Largo das Bandeiras e Praça Dr. Alcides Marques:

O nome da praça é uma homenagem ao médico e político Alcides Marques, natural de Jaguarão. O local já serviu como depósito de material bélico do Exército. E já foi chamada de Praça da Independência e Praça 13 de Maio. Como fica em frente à Igreja Matriz do Divino Espírito Santo, a Praça Dr. Alcides Marques é conhecida, popularmente, como Praça da Matriz. Nela estão instalados vários monumentos artísticos.

Endereço: Av. 27 de Janeiro, 256, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: 24h

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 0 km

 

Igreja Matriz do Divino Espírito Santo:

A Igreja Matriz começou a ser construída em 1847, mas foi concluída somente em 1875. É um dos raros templos católicos na região sul a bem conservar as linhas gerais de seu aspecto original, tanto interna quanto externamente, o que lhe confere grande importância histórica, arquitetônica e artística. Possui altares de madeira esculpidos à mão, belíssimos vitrais e um parlatório em mármore de carrara. Destaca-se, também, no conjunto, o grande acervo mobiliário e de imagens sacras, bem como seu amplo acervo documental, relacionado, em especial, com a história das antigas irmandades religiosas.

Endereço: Rua Carlos Barbosa, 633, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Reinauguração 10/11/2019 (Temporariamente Fechado)

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 0 km

 

Clube Harmonia:

O Clube Harmonia foi fundado em 1884. Sua primeira denominação foi Cassino Jaguarense, e atualmente é conhecido como Sociedade Harmonia Jaguarão. Seu primeiro presidente foi o Dr. Diogo Álvares Fortuna.

Endereço: Av. 27 de Janeiro, 76, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Segunda à Sexta | 9hrs às 12hrs e 14hrs às 19hrs

Valor: Agendar visitação por (53) 3261-1754

Distância do centro da cidade: 0 km

 

Clube Jaguarense:

O Clube Jaguarense foi fundado em 1881, como sucessor da sociedade bailante Recreação Familiar Jaguarense. Tendo como Primeiro Presidente o Conselheiro Henrique Francisco D’Avila.

Endereço: Av. 27 de Janeiro, 20, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Permanentemente Fechado

Valor:

Distância do centro da cidade: 0 km

 

Casa de Cultura:

A Casa de Cultura é considerada uma das relíquias arquitetônicas do estado gaúcho. O prédio compõe o conjunto de edificações históricas que configuram o entorno da Praça Dr. Alcides Marques. Seu primeiro uso, ainda no século XIX, foi residência e nos primeiros anos do século XX passou a funcionar como educandário, ligado à ordens religiosas. Em seguida, passou a ser sede do Poder Judiciário e funcionou como Fórum da Comarca até o ano de 1994. Em 1996 foi transformado em Casa de Cultura, passando a promover diversas atividades como oficinas, exposições de arte e mostras culturais.

Endereço: Rua General Osório, 89, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Temporariamente Fechado

Valor:

Distância do centro da cidade: 0km

 

Biblioteca Municipal:

A Biblioteca pública foi inaugurada na em 1968 contendo cerca de 5.645 volumes, e atualmente, estima-se que possua aproximadamente 15.800 livros. Além do amplo número de exemplares bibliográficos, de diversas áreas do conhecimento, constam, sob sua custódia, fontes impressas tais como materiais periódicos, jornais e revistas. A Biblioteca Pública atende a demanda da comunidade escolar jaguarense como espaço privilegiado para a pesquisa, e é freqüentada por outros segmentos da população, como local democrático de acesso à leitura.

Endereço: Rua General Marques, 284, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Segunda à Sexta | 8hrs às 12hrs e 13hrs às 17hrs

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 200 metros

 

Praça do Desembarque:

A Praça do Desembarque, como o próprio nome indica, era utilizada para que fossem aportados e escoados diversos produtos junto à costa do rio Jaguarão. Aí desembarcavam, também, muitas autoridades e pessoas que visitavam a cidade, quando o tráfego fluvial era intenso nesta região. Também conhecida como praça da marinha ou do Comércio, em diferentes momentos, a praça quase foi extinta no ano de 1822, quando o futuro líder da Revolução Farroupilha, na época Sargento-Major, Bento Gonçalves da Silva, manifestou o desejo de apossar-se de seu território. Era discutida, também, a possibilidade de dividi-la para que fossem concedidos diversos terrenos, próprios para edificações. Entretanto, foi mantida, voltada para suas funções em contiguidade ao porto, embora tenha perdido parte de seus domínios e cedido espaço, mais adiante, para a construção do mercado público.

Endereço: Av. 27 de Janeiro, 419, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: 24h

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 210 metros

 

Mercado Público Municipal:

Construído entre os anos de 1864 e 1867, junto à antiga Praça do Comércio, contígua à área do cais, tinha o propósito de escoar os produtos aportados no rio Jaguarão, vindos dos mais diversos lugares, e promover a comercialização de pescados e demais gêneros alimentícios de produção local. Em estilo colonial português, é tombado como patrimônio histórico do RS e integrante do conjunto histórico e paisagístico da cidade, tombado pela União.

Endereço: Rua General Marques, 112, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Temporariamente fechado

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 210 metros

 

Cais do Porto / Ponte Internacional Barão de Mauá:

A Ponte Internacional Barão de Mauá é uma ponte sobre o rio Jaguarão, na fronteira entre o Brasil e o Uruguai. A ponte liga as cidades de Jaguarão, no lado brasileiro, e Rio Branco, no lado uruguaio. Foi construída entre 1927 e 1930, depois de um tratado firmado em 1918 entre os dois países para pagamento de dívida de guerra.

É o primeiro bem binacional tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), reconhecido como primeiro patrimônio cultural do Mercosul.

A ponte mede 2.113 metros de comprimento, sendo 340 metros sobre o rio Jaguarão, tendo 12 metros de largura. Na sua parte central existe uma via férrea com duas bitolas ladeada por duas faixas para veículos de três metros cada uma. As faixas possuem ao longo do comprimento calçada para pedestres.

A construção da ponte contou com a participação de mais de 6.000 operários, de diversas nacionalidades. O lado uruguaio da ponte foi tombado em 1977, enquanto o lado brasileiro da  ponte foi tombado em 2011.

Endereço: Rua 20 de Setembro, 190, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: 24h

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 300 metros

 

Rua das Portas (XV de Novembro):

As residências da Rua XV de Novembro destacam-se pela beleza das portas entalhadas à mão, em madeira nobre. Em sua maioria, são construções ecléticas de fins do século XIX e princípios do século XX, fase áurea da construção civil local.

Endereço: Rua XV de Novembro, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: 24h

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 50 metros

 

Museu Dr. Carlos Barbosa Gonçalves:

No casarão histórico, datado de 1886 e transformado em museu em 1977, pode-se conhecer a vida e a obra do Dr. Carlos Barbosa Gonçalves e sua atuação como político, em um período de grandes transformações e efervescência na história do país. Como se fosse habitado até os dias de hoje, ali está uma coleção familiar, requintada e sofisticada de louças, obras de arte, fotografias, objetos pessoais e todo o mobiliário, característicos do final do século XIX e início do século XX. O prédio, em estilo eclético, utiliza elementos de decoração da mitologia greco-romana em sua fachada. Com elementos considerados uma inovação para a arquitetura da época, a casa é dividida em cômodos de inverno e verão e possui uma galeria, toda envidraçada, que circunda um lindo jardim, de onde absorve luminosidade e ventilação. Foi a primeira residência da cidade a ter luz elétrica e ainda conserva lâmpadas originais em funcionamento.

Endereço: Rua XV de Novembro, 642, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Terça à Sábado | 9hrs às 11hrs e 14hrs às 17hrs

Valor: Inteira R$ 5,00 | Meia R$ 2,50

Distância do centro da cidade: 450 metros

 

Praça Comendador Azevedo (Regente):

Antigo campo do IPA – Instituto Porto Alegre – foi projetada no governo do Dr. Rubens Gonçalves Marques, para ser uma “praça de inverno”, onde a população pudesse passear e tomar sol nos dias frios dessa estação. O espaço que abriga a praça é bastante vasto e aberto, cujas árvores e plantas ornamentais são baixas, permitindo uma maior incidência dos raios solares.

Endereço: Rua 27 de Janeiro, 993, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: 24h

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 650 metros

 

Instituto Histórico Geográfico:

Fundado em 1966, é responsável pela salvaguarda de artefatos e documentação histórica sobre a cidade e região. Sediado no prédio do antigo Partido Libertador, abriga o Museu Alfredo Varela, arquivo histórico e biblioteca.

Endereço: Rua Marechal Deodoro, 874, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento:

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 700 metros

 

Igreja Imaculada Conceição (Minervina):

Templo católico, cuja construção foi iniciada em 1909 e concluída em 1912, a pedido da Sra. Minervina Carolina Correia. Em seu interior, destaca-se a beleza dos altares esculpidos em mármore, importado do continente Europeu.

Endereço: Rua General Osório, 171, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Temporariamente Fechado

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 500 metros

 

Teatro Esperança:

Sua construção foi iniciada em 1887, como uma grande casa de espetáculos, inaugurada dez anos depois. As obras foram comandadas pelo construtor Martinho de Oliveira Braga e o trabalho artesanal em madeira pelo artífice Gustavo Guimarães. Ao longo de sua o história, o teatro foi palco de apresentações de grandes companhias nacionais e internacionais, e teve vários usos, adaptando-se também a espetáculos circenses, com a remoção do tablado, que transformava a plateia em um grande picadeiro. O Teatro possui uma excelente acústica e em seus bastidores pode se movimentar mais de 8 cenários. É um grande marco do engajamento da cidade com a movimentação cultural e artística do país e do Uruguai.

Endereço: Av. 27 de Janeiro, 533, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Segunda | 8hrs às 14hrs, Terça à Sexta | 8hrs às 17hrs, Final de semana e Feriados | Agendar visitação por (53) 3261-5100

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 240 metros

 

Clube 24 de Agosto:

A criação do Clube Social 24 de Agosto foi uma iniciativa de dois amigos: Malaquia de Oliveira e Theodoro Rodrigues. Em 24 de Agosto de 1918, os dois trabalhadores, somados a um grupo de mais onze pessoas reunidas no Círculo Operário Jaguarense, fundaram a entidade visando a criação de um espaço de sociabilidade para os integrantes da comunidade negra de Jaguarão.

Foi o primeiro clube negro a ser reconhecido como Patrimônio Histórico do Rio Grande do Sul, tombado pelo IPHAE, no ano de 2012.

Além da promoção de tradicionais festas e eventos, diversas atividades culturais são oferecidas neste espaço, que também se constitui como Ponto de Cultura.

Endereço: Rua Augusto Leivas, 217, Centro – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Segunda à Sexta | 13hrs às 17hrs, Domingo | 19hrs às 1:30hrs

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 700 metros

 

Ruínas da Enfermaria Militar (Centro de Interpretação do Pampa):

A edificação foi construída entre os anos de 1880 e 1883, no alto do Cerro da Pólvora, de onde se descortina uma das paisagens mais bonitas da cidade e o rio. Além da função de Enfermaria Militar, que atendia aos oficias e praças da região, o prédio serviu como posto de vigia da fronteira nacional, por permitir a observação privilegiada do território vizinho, o Uruguai.  Serviu também como prisão política e, com o abandono, em meados da década de 70, foi gerado um rápido processo de deterioração, que levou o prédio ao estado de ruína. Com a conclusão do restauro, será instalado no local o Centro de Interpretação do Pampa, complexo cultural ligado à Universidade.

Endereço: Rua Dr. João Azevedo, 949, Cerro da Pólvora – Jaguarão2/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: Temporariamente Fechado

Valor:

Distância do centro da cidade: 1,5 km

 

Cemitério das Irmandades:

Em virtude da epidemia da cólera, que ocorreu no ano de 1855, viu-se a necessidade de mudar o local do cemitério, que se encontrava na parte central da cidade. Esse terreno, então doado por um morador da cidade a pedido da Igreja, foi destinado ao novo espaço para os mortos sob a organização das irmandades: Irmandade de Nossa Senhora da Conceição e a Irmandade do Santíssimo Sacramento. Essas irmandades organizaram a planta baixa do cemitério, dividindo o espaço em duas alas; na ala direita os túmulos pertencentes a Irmandade de Nossa de Senhora da Conceição e na ala esquerda ficou destinado aos mortos da Irmandade do Santíssimo Sacramento.

Neste Cemitério é possível encontrar diversas personalidades que foram importantes para o desenvolvimento do município de Jaguarão.

Endereço: Rua General Mena Barreto, 159, Cerro das Irmandades – Jaguarão/RS

Ambiente: Aberto

Horário de funcionamento: Agendar visitação por (53) 3261-2700

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 2,2 km

 

Galeria Intercultural Magliani (UNIPAMPA):

Galeria Intercultural Magliani – GIM (UNIPAMPA):

Idealizada pelo curso de Produção e Política Cultural da Universidade Federal do Pampa, a Galeria Intercultural Magliani é um espaço que foca na importância de espaços culturais na construção e estruturação de novos poderes simbólicos.

A Universidade Federal do Pampa – UNIPAMPA, Campus Jaguarão, RS, pode ser considerada um território acadêmico de mobilidade e de transitoriedade de indivíduos advindos de diversos lugares do Brasil. Nesse sentido, percebeu-se a necessidade de implementar uma Galeria Intercultural, que venha a facilitar o diálogo com os estudantes através das artes plásticas e visuais, de maneira a proporcionar uma maior integração entre a comunidade acadêmica e a comunidade externa. Maria Lídia dos Santos Magliani (Pelotas/RS 1946 – Rio de Janeiro/RJ 2012) era pintora, desenhista, gravadora, ilustradora, figurinista, cenógrafa. Foi escolhida para ser a homenageada, por sua irreverência e luta. A homenagem tem o intuito de dar visibilidade à obra da artista e manter viva a sua história, estimulando que mais mulheres produzam e façam arte.

Endereço: Rua Conselheiro Diana , 650, Kennedy – Jaguarão/RS

Ambiente: Fechado

Horário de funcionamento: Segunda à Sexta | 8hrs às 22hrs, Sábado | 8hrs às 14hrs

Valor: Gratuito

Distância do centro da cidade: 2,3 km

 

 

 

 

Roteiro Turístico de Jaguarão/RS, criado por Aline Maiara Becker e Ana Luiza de Almeida Albucezze

Oferecemos a você

Nossos Serviços

Conheça nossa

Cidade Heróica

Conheça a Cidade de Jaguarão/RS, Cidade

Venha conhecer Jaguarão. A cidade está de "portas" abertas esperando você.

Clique na imagem ao lado para conhecer mais sobre Jaguarão.